Solidariedade que aquece

12.07.2019

 

Clima frio e as baixas temperaturas. É assim que temos passado os últimos dias em boa parte da região sul do país. E se por um lado muitas pessoas gostam das temperaturas mais baixas, outras acabam sofrendo muito com elas, correndo severos riscos, como as pessoas que vivem em situação de rua, que muitas vezes não têm a oportunidade de se proteger deste intenso frio.

 

É triste caminhar por grandes cidades, ainda mais em regiões onde a concentração de pessoas é maior, e ver que muitas dessas pessoas em condições de rua não conseguem se abrigar corretamente neste período. Nos últimos dias, inclusive, tem se noticiado que moradores de rua têm morrido de hipotermia devido a falta de proteção contra o clima gélido.

 

Por isso, é importante que todos aqueles que tenham condições de ajudar essas pessoas façam alguma coisa para diminuir o sofrimento alheio, afinal, muitos desses moradores de rua não estão nessas condições por vontade própria. A grande maioria não tem pra onde ir e se submetem a essa privação por não terem qualquer outra opção.

 

A doação de um cobertor, de peças de roupas ou mesmo de um prato de comida pode fazer total diferença para quem pouco tem. Isso, inclusive, pode salvar uma vida. Sem exagero. Qualquer boa ação é válida.

 

Além disso, iniciativas como as diversas campanhas do agasalho promovidas pelo país também são fundamentais para aumentar o leque de pessoas auxiliadas, uma vez que há também quem precise de peças de vestuário para se proteger, ainda que tenha um teto sob sua cabeça.

 

A solidariedade neste momento é importante. Por isso, pratique-a quando puder. Sempre haverá alguém se beneficiando deste ato.

Please reload

Últimas Notícias
Please reload