Condi do Pólo fala sobre a evolução da segurança, saúde e meio ambiente nestes 45 anos de Pólo Petroquímico

12.07.2019

 

Na década de 70, quando entrou para trabalhar no Pólo, Condi fala que a indústria petroquímica tinha tecnologia, segurança e preocupação com o Meio Ambiente na época.

 

“No passar dos anos a indústria petroquímica evoluiu tanto nesta área que hoje sou capaz de afirmar que atualmente é muito mais seguro. Como vocês estão tendo oportunidade de acompanhar neste espaço do Jornal Opinião Pública, praticamente participei do inicio da indústria petroquímica no Brasil”, relembrou Condi.

 

Ele vivenciou a transformação, os conceitos de segurança do trabalho, de cuidado com o meio ambiente e foi se aperfeiçoando. “Hoje eu falo para a população do entorno do Pólo que é muito mais segura a convivência da população que mora no bairro de Capuava com a indústria, do que na década de 70”, afirmou Condi do Pólo.

 

Condi cita um exemplo atual da modernidade do Pólo, na comparação com a década de 70. “Um exemplo, nos anos 70 as caldeiras para produção de vapor (calor) queimavam milhões de litros de óleo pesado, muito poluidor. Hoje as mesmas caldeiras modernizadas queimam gás natural muito menos poluidor na atmosfera”, revelou. 

 

Condi do Pólo destaca que continuará falando sobre os seus 45 anos de Pólo Petroquímico e mostrando a importância da indústria para Mauá.

 

“Deixei em janeiro de trabalhar no Pólo, mas estou muito mais tranquilo do que quando entrei, vou continuar falando desse bem importante para nossa cidade, que é o Pólo Petroquímico, acompanhei toda a evolução da indústria petroquímica e isso ajudou no desenvolvimento do município e fez a cidade progredir muito, continuem acompanhando mais sobre essa grande história”, concluiu.

Please reload

Últimas Notícias
Please reload